fbpx

Qual o serviço das Irmãs Palotinas na Igreja?

Que grandeza tem o serviço na vida humana e como é nobre dar a vida pela redenção de muitos. Pois assim acontece com as Irmãs Palotinas: o serviço como consequência da doação da própria vida.

Vale a pena destacar que existem diversos tipos de serviço prestados à humanidade por pessoas voluntárias e profissionais dedicados. Cada um tem características próprias, são importantes e contribuem para a construção de uma sociedade mais fraterna.

No entanto, o serviço prestado à Igreja é diferente; é resultado da gratidão do coração de quem é amado. Quando descobrimos o zelo de Deus por nós, queremos retribuir de alguma forma e quantas pessoas doam seu tempo e seu talento em benefício das obras da Igreja! 

Dessa forma, começa o serviço em benefício dos irmãos(ãs) pela disponibilidade do coração, na maioria das vezes, no anonimato, ninguém sabe! Agora, vamos conhecer neste post o que o coração de cada irmã Palotina faz pela Igreja e pelas pessoas.

 

A inspiração  das irmãs Palotinas

 

Antes de tudo, vamos relembrar onde começou a história das Irmãs Palotinas. Em 21 de abril de 1795, nasceu Vicente Pallotti na cidade de Roma. Desde criança, ele já tinha inclinação para a oração e a caridade. Assim respondeu ao chamado divino e tornou-se sacerdote em sua diocese.

Ora, sua dedicação ao povo de Deus, principalmente os mais necessitados, era notável. Seu amor e conhecimento de Deus fizeram dele um evangelizador incansável; ele queria que todos experimentassem o amor de Deus em suas vidas.

Dessa forma, entregou-se de coração ao serviço apostólico: participava de missões populares; trabalhou pela unidade dos cristãos com outros ritos, raças e culturas; abriu obras sociais para órfãos; investiu no protagonismos dos leigos e no reavivar da fé para todos.

Além de tudo isso, fundou em 1835 a União do Apostolado Católico, que consiste em unir todas as forças da Igreja, para evangelizar e praticar obras de misericórdia espirituais e corporais. Ela é composta por padres, irmãos, irmãs e leigos, e está presente nos cinco continentes.

Portanto, desse ardor missionário, nasceram as Irmãs Palotinas – uma congregação feminina – dispostas a levar ao mundo o Evangelho, seguindo a inspiração de seu Fundador São Vicente Pallotti.

 

A fonte do serviço das irmãs Palotinas

 

Para falar sobre o serviço das Palotinas, temos que citar sua fonte, de onde emana toda graça que as impulsiona na evangelização: a espiritualidade Palotina. Esta nasceu da experiência do fundador com Jesus Cristo.

Ou seja, para Pallotti Jesus é o centro de toda vida cristã; Ele é o “Apóstolo do Pai Eterno” e sua Mãe, a Rainha dos Apóstolos. Ambos são o modelo da missão e devem ser imitados; e todos os cristãos são convocados a serem apóstolos, logo precisam tanto despertar como exercitar o seu batismo.

Portanto, desse espírito parte todo serviço das Irmãs Palotinas para a Igreja; ela brota da contemplação do Cristo Apóstolo. Desta forma, elas realizam diversos serviços que estão associados à espiritualidade delas.

 

A realização do sonho de São Vicente Pallotti

 

São Vicente Pallotti tinha um sonho de cultivar em cada cristão o espírito apostólico e missionário. Bem como ele acreditava no protagonismos dos leigos mesmo antes do Concílio Vaticano II acontecer e destacar essa necessidade.

Neste mesmo caminho, seguem a vida e o serviço das Irmãs Palotinas. Logo, elas realizam

“Qualquer obra apostólica, em que o amor as chama conforme as necessidades locais. Dedicam-se à missão na educação, no atendimento às crianças, aos jovens, às famílias, aos enfermos, aos migrantes, nas pastorais paroquiais, missões em outros países e outras atividades que mais oportunizam a formação de apóstolos missionários para a Igreja”. 

Mas este serviço é concreto e palpável assim como a vida humana e sua trajetória. Então, elencamos diversas formas de apostolado sem esgotar as possibilidades, uma vez que o Espírito Santo em qualquer tempo atualiza o anúncio do Evangelho para a humanidade.

 

O serviço da Caridade

 

Onde há amor, há apostolado! Na vida de uma Irmã Palotina, ser e fazer estão unidos. Não há como ser uma Palotina e não exercer o maior de todos os serviços que é anunciar Jesus Cristo a toda e qualquer pessoa.

Portanto,  elas promovem formação de lideranças, assessoria de pastorais, acompanhamento vocacional, partilha de vida com casais. 

Além disso, administram um Centro de Educação Infantil, atuando na sua direção, supervisão e coordenação administrativa da obra social em si, desenvolvendo e direcionando toda ação educativa nos parâmetros do carisma palotino.  

Também atuam na catequese de jovens, adolescentes e crianças, bem como nas Pastorais da Legião de Maria, terço mariano e visitas aos enfermos da comunidade em suas residências. 

Há também a Pastoral de Rua, um trabalho que surgiu durante a Pandemia pela necessidade de assistir as pessoas que levavam seus entes queridos aos Hospitais, Posto de Saúde, CRAS, entre outros atendimentos voltados para assistência médica. Dessa forma, as Irmãs davam suporte entregando lanches para as famílias.

Além de prestar serviços na Cúria Diocesana com trabalhos de preparação de encontros para leigos como escola catequética, encontros missionários, formação litúrgica e preparação de materiais formativos tanto religioso, quanto social.

 

Brasil, terra de missão!

 

O Brasil é uma boa terra de missão e fecunda em vocação. Como tantas Congregações que contribuíram com a catequese do povo braseleiro com maestria, da mesma forma aconteceu com as Irmãs Palotinas.

Assim, a convite da Colônia italiana residente em Dona Francisca, cidade do Rio Grande do Sul, a Congregação chegou ao Brasil e construiu uma escola para promover a educação de crianças e jovens, descendentes de colonos italianos.

Dessa forma a história de amor à missão e ao povo de Deus só cresceu e hoje elas atuam no Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Tocantins, Bahia, Goiás com mais uma missão em alguns estados do Brasil.

Quem continua esse serviço apostólico? Toda pessoa que se apaixona pela causa do Evangelho segundo o carisma palotino e está disposta a doar sua vida em benefício da salvação do outro. E o mais belo dessa história, é que é o próprio Deus quem atrai.

 

Que tal aprofundar esse tema? Confira: A Espiritualidade Palotina na prática

 

Comentar

Compartilhar

EnglishPortugueseSpanish