Quais os passos para ser uma Irmã Palotina

Quando alguém entra na universidade, passa por uma série de etapas. Primeiro, tem a convivência com os colegas, depois, a formação teórica e, mais à frente, a experiência prática profissional, por meio dos estágios. Desse modo, com a vida religiosa não é diferente. Assim como em uma graduação, o período de formação é essencial para discernir sobre o futuro. Então, quais são os passos necessários para ser uma irmã Palotina?

Inicialmente, é bom ressaltar que a Congregação das Irmãs Palotinas é voltada para um serviço apostólico. Ou seja, impulsionadas pela caridade de Cristo, nos dedicamos a amar e a servir nossos irmãos, para que o Senhor seja amado e conhecido por todos. 

Logo, a irmã palotina não vive reclusa, mas busca, de forma mais intensa, doar sua vida ao apostolado, sendo sal da terra e luz do mundo. A missionariedade é um traço marcante desse carisma.

Além disso, do mesmo modo que todas as consagradas, as mulheres da obra são chamadas a fazer os votos de pobreza, castidade e obediência. Assim, selam a entrega total a Jesus.

Contudo, até chegar à profissão desses votos, percorre-se um caminho. Afinal, o processo vocacional bem vivido é fundamental para tomar uma decisão livre, consciente e por amor. 

Por isso, conheça as etapas que fazem parte do plano de formação palotino. 

O caminho para ser uma Irmã Palotina

O primeiro passo deve partir de você. Muitas vezes, ao ouvirmos o chamado de Deus, podemos nos sentir confusas, com receio de segui-Lo ou, até mesmo, com dificuldades para reconhecer a voz do Senhor. 

Leia também: 

Tendo isso em vista, o Papa Francisco ressaltou a necessidade de sermos corajosos, para não agirmos como o jovem rico dos Evangelhos (Mt 19, 16-22). Embora buscasse a verdadeira felicidade em Cristo, ao escutar o convite do Mestre e perceber o que precisaria deixar para trás, ele se entristeceu. 

“É uma palavra que nos coloca diante do Senhor; e Ele fixa Seu olhar em nós, Ele nos ama e nos convida ‘Vem! Segue-me’! […]. Tenham a coragem de viver sua juventude, confiando-se ao Senhor e partindo com Ele. Deixai-vos conquistar por seu olhar amoroso que nos liberta da sedução dos ídolos, das falsas riquezas que prometem vida mas trazem a morte. Não tenham medo de acolher a Palavra de Cristo e de aceitar seu chamado.”

Então, quando, como resposta ao chamado de Deus, surge na jovem o interesse em fazer parte da congregação, começa o acompanhamento chamado de “Pastoral Vocacional”. Nessa fase, que não tem uma duração pré-determinada, ocorrem encontros vocacionais em diferentes formatos, com o auxílio de uma irmã palotina.

Passado esse momento, a mulher passa a trilhar uma trajetória mais estruturada de discernimento. 

#1 Aspirantado

Aqui, a candidata vai morar na Congregação, para conhecer a rotina, o estilo de vida palotino e amadurecer a consciência da vocação. 

No Ingresso ao aspirantado, como sinal externo a jovem recebe a medalha de Nossa Senhora, a Rainha dos Apóstolos, padroeira da Congregação.

#2 Postulantado

Com acompanhamento individual, esta fase, que pode durar de seis meses a dois anos, é direcionada para o crescimento na intimidade com Cristo. A postulante também estuda e participa de atividades pastorais, para conhecer a história e a realidade da congregação.  

No ingresso ao Postulantado, a formanda recebe a medalha de São Vicente Pallotti, nosso fundador.

 

#3 Noviciado

Postulantes lendo a formula de ingresso ao noviciado.

Podemos dizer que esse é o centro de toda a preparação. O período de dois anos é voltado para os aspectos fundamentais da vida consagrada e comunitária, especialmente os valores e exigências dos votos que serão professados. A vivência e espiritualidade palotinas também ganham ainda mais destaque.

No ingresso ao noviciado a jovem recebe como sinal externo desta etapa a Cruz do Infinito, simbolizando também nossa espiritualidade e carisma.

 

Consagração Religiosa

No dia da profissão religiosa a noviça recebe como símbolo de sua consagração o crucifixo, e também neste dia as noviças vestem o traje azul marinho, uniforme oficial de nossa Congregação no Brasil.

Ao final, a noviça, que é acompanhada por alguém mais experiente ao longo de todo o caminho, pode pedir para fazer uma profissão religiosa na Congregação. Se o pedido for aceito, ela torna-se uma Irmã Palotina consagrada. Contudo, essa ainda não é a profissão perpétua.

#4 Juniorato

Depois daquela profissão dos votos, a juniorista deve renová-los anualmente. Neste ponto, tem início a última e maior etapa do caminho vocacional, que pode ter duração de cinco a nove anos.

Já inserida na vida em comunidade e vivendo o carisma, a religiosa deve utilizar esse tempo para encontrar harmonia entre todas as responsabilidades que tem e seus compromissos religiosos.

#5 Profissão dos votos perpétuos

Após dar todos esses passos, a irmã palotina professa seus votos perpétuos e, assim, torna-se uma consagrada até o fim da vida. Com isso, segue em um processo contínuo formativo e de crescimento no amor a Deus. 

Seguir o exemplo da Rainha dos Apóstolos

Assim como aconteceu com o jovem rico, muitas vezes nos falta coragem para dizer “sim” a Deus. As renúncias parecem exigentes demais, o caminho é árduo e longo. Com isso, você pode se perguntar: “será que esse chamado é para mim mesmo?”.

Nesses momentos, o Papa Francisco nos convida a olhar para a Virgem Maria. Ela não sabia o que a aguardava, não compreendia como a graça de Deus poderia agir em sua pequenez. Mas, confiando no Senhor, simplesmente se abandonou nas mãos da Divina Providência. 

“Fitemos Maria para encontrar a força e recebermos a graça que nos permitem pronunciar o nosso «eis-me!» ao Senhor. Fixemos o olhar em Maria para aprender a levar Cristo ao mundo, como Ela mesma fez quando, cheia de esmero e alegria, correu para ajudar Santa Isabel. Fitemos Maria para transformar a nossa vida num dom ao próximo.”

A partir do “sim” de Nossa Senhora, a Luz veio ao mundo. Hoje, Deus também deseja que você seja um canal para a graça dEle e possa iluminar diversos corações. 

Entre em contato conosco e venha trilhar seu caminho vocacional! O Senhor espera seu sim e conta com o seu apostolado para anunciar o Reino dos Céus.

Comentar

Compartilhar

EnglishPortugueseSpanish